Poesia, música em piano e fotografia. Tudo assim: muito simples, que simples é muito melhor.

O que se escreve

Quarta-feira, 03 de Fevereiro de 2010

Nas últimas semanas gravei mais quatro músicas da minha autoria. Não gravo mais porque no Inverno o piano desafina com mais facilidade e porque não tenho condições para fazer boas gravações. Por outro lado, existem algumas músicas que ainda não têm partitura e são apenas de memória. Quem sabe, um dia registo-as todas...

 

Para já, fica esta, com quase 9 minutos, chamada

 

Houve hoje em mim uma luz que se acendeu

(é só clicar no play,portanto)

 

Vale a pena ouvir, porque é uma das que mais gosto de tocar.

Mais tarde, irá juntar-se às músicas na coluna da direita - se a coluna se mantiver.

Também mais tarde, irei colocar as outras músicas aqui. Não muito tarde, ainda assim.

Em breve é a expressão mais apropriada.

Pedro Simão Mendes às 07:07

Muito bonito. Não sei porquê mas lembra-me as coisas mais sãs de Daniel Johnston. Continua a dedicar-te a isso.
T a 4 de Fevereiro de 2010 às 00:08